Instituto IDEIA - Mestrados e Doutorados no Mercosul

MESTRADOS • DOUTORADOS • PÓS-DOUTORADOS NO MERCOSUL

       Aulas presenciais em janeiro e julho       


CENTRAL DO ALUNO  -   CPF:       Senha:             Esqueci a senha    |    1º acesso
  

Mestrado na Área de Direito - Ementas

OBS.: Serão oferecidas tantas disciplinas quantas sejam necessárias para o cumprimento da carga horária presencial obrigatória, não contemplando, necessariamente, todo o elenco abaixo.

MESTRADO NA ÁREA DE DIREITO

METODOLOGIA DA INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA

EMENTA:

A linguagem como instrumento de comunicação, expressão e compreensão. Técnicas de elaboração de textos técnicos e científicos. O objeto de pesquisa. Elaboração orientada da dissertação. Ética na produção textual.

BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4a ed. São Paulo: Atlas, 2008.
HERNÁDEZ, Sampieri; R. FERNÁNDEZ, Collado; BAPTISTA, Carlos Lucio Pilar. Metodología de
la Investigación. 3a ed. México, DF: McGraw-Hill. Interamericana Editores, 2003.
_______. Metodologia de pesquisa. 4a ed. México: McGraw-Hill, 2006.
LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Metodologia científica: ciência e conhecimento científico, métodos científicos, teoria, hipóteses e variáveis, metodologia
jurídica. São Paulo: Atlas, 2000.
MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Metodologia do trabalho científico:
procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório, publicações e
trabalhos científicos. 6a ed., São Paulo: Atlas, 2001.
THOMAS, Jerry R. Métodos de pesquisa em atividade física. 3a ed., Porto Alegre: Artmed, 2002.

 

ESTATÍSTICA

EMENTA:
Conceitos básicos de estatística. A estatística como expressão da pesquisa em na área da direito. Coleta de dados e interpretação de resultados em pesquisas setoriais. Indicadores e diferentes representações gráficas.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)

BUSSAB, W. e MORETTIN, P. A. Estatística básica. Rio de Janeiro: Saraiva, 2004.
COSTA, S. F. Introdução ilustrada à estatística. São Paulo: Harbra, 2005
IMENES, Luís Márcio; JAKUBO, Lellis. Estatística. Coleção: para que serve a matemática? São Paulo: Atual, 2000.
MARTINS, Gilberto de Andrade; DONAIRE, Denis: Princípios de estatística. São Paulo: Atlas, 1990.
TRIOLA, M. F. Introdução à estatística. Rio de Janeiro: LTC. 2005.

 

SISTEMAS JURÍDICOS COMPARADOS

EMENTA:
Sistemas jurídicos contemporâneos - Identificação e caracterização dos principais sistemas jurídicos atuais: romano-germânico - Os sistemas ‘secundários’: religiosos, filosóficos e consuetudinários - Métodos de comparação no direito público e no direito privado - Seleção dos temas visando à articulação do ensino ministrado com o de outras disciplinas sobre o direito positivo brasileiro - Recepção de direitos: fatores, tipos e efeitos.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
LOSANO, Mario. Os grandes sistemas jurídicos; São Paulo: Martins Fontes, 2008.
SACCO, Rodolfo. Introdução ao direito comparado; São Paulo: Revista dos Tribunais, 2006.
SGARBOSSA, Luís Fernando. Elementos de Direito Comparado: ciência, política legislativa, integração e prática judiciária; Porto Alegre: Sergio Antonio Fabris Editor, 2008.
 

FILOSOFIA DO DIREITO

EMENTA:

Movimentos constitucionais e constitucionalismo. Estado de Direito. Teorias da justiça. Positivismo e legalidade. Neoconstitucionalismo. Novos papéis do juiz e do legislador. Direito e moral no novo constitucionalismo. Pós¬positivismo. Justiça e jurisdição constitucional. Estado Constitucional e democracia. Procedimentalismo e substancialismo. Estado Democrático, sociedade global e pluralismo.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
BOBBIO, Norberto. A era dos direitos. Trad. LAFER, Celso. Rio De Janeiro: Elsevier Editora, 2004. 212p.
MONTESQUIEU, Charles Louis de Secondat. Do espírito das leis. 2ª ed. São Paulo: Abril cultural, 1979. 539p.
MOREIRA, Luiz. Fundamentação do direito em habernas. 3ª ed. Belo Horizonte: Mandamentos, 2004. 203p.
NADER, Paulo. Filosofia do direito. 19ª ed. Rio De Janeiro: Forense, 2010. 379p.
NUNES, Rizzatto. Manual de filosofia do direito. 3ª ed. São Paulo: Saraiva,  2010. 469p.
PERELMAN, Chaïm. Ética e direito. São Paulo: Martins Fontes, 2000. 722p.
REALE, Miguel. Filosofia do direito. 2ª ed. São Paulo: Saraiva, 2002, 749p.
REALE, Miguel. Introdução à filosofia. 3ª ed. São Paulo: Saraiva, 1994, 269p.
RADBRUCH, Gustav. Filosofia do direito. 5ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 1974, 430p.
 

EPISTEMOLOGIA DO DIREITO

EMENTA:
Epistemologia e Teoria do Conhecimento - a teoria crítica de Habernas - Epistemologia e Filosofia da Ciência -  Categorias epistemológicas - Epistemologia Positivista - Epistemologia Histórica, Epistemologia Racionalista - Saber e Poder - Epistemologia e Hermenêutica. A Epistemologia Jurídica. Razão, Modernidade e Pós-modernidade.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
ALVES, Rubem. Filosofia da ciência: introdução ao jogo e suas regras.  São Paulo: Brasiliense, 1981.
ANDERSON, Perry.  As origens da pós-modernidade.  Rio de Janeiro: Zahar, 1999.
ARAÚJO, Inês Lacerda.  Foucault e a crítica do sujeito.  Curitiba: UFPR,  2001.
AZEVEDO, Plauto Faraco de.  Crítica à dogmática e hermenêutica jurídica.  Porto Alegre: Fabris Editor, 1989. 
CAPRA, F. A teia da vida: uma nova compreensão científica dos sistemas vivos. São Paulo: Cultrix, 1996.
CÁRCOVA, Carlos Maria.  A opacidade do direito.  São Paulo: LTR, 1998.
_____ .  Direito, política e magistratura.  São Paulo: LTR, 1996.
CLÈVE, Clèmerson Merlin.  O direito e os direitos.  São Paulo:  Max Limonad, 2001. 
COELHO, Luiz Fernando.   Teoria crítica do direito.  3ª ed. Belo Horizonte: Del Rey, 2003.
CORREAS, Óscar. Crítica da ideologia jurídica.  Porto Alegre: Fabris, 1995.
DERRIDA, Jacques. Margens da filosofia.  Campinas: Papirus, 1991.
_____. Do espírito: heudegger e a questão. Campinas: Papirus, 1990.
EAGLETON, Terry. As ilusões do pós-modernismo.  Rio de Janeiro: Zahar, 1998.  
FERRAZ JR., Tércio Sampaio.  A ciência do direito.  2ª ed.  São Paulo: Atlas, 1980.
FOUCAULT, Michel.  O nascimento da clínica.  2ª ed.  Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 1980.
_____.  Vigiar e punir : nascimento da prisão.  Petrópolis: Vozes, 1984.
_____.  As palavras e as coisas.  3a. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1985.
_____.  A  verdade e as formas jurídicas.  Rio de Janeiro: Nau Editora, 1996.
GADAMER, Georg-Hans.  Verdade e método II.  Petrópolis: Vozes, 2002.
GRAU, Eros Roberto.  Ensaio e discurso sobre a interpretação/aplicação do direito. 2ª ed.  São Paulo: Melhoramentos, 2003.
HABERMAS, Jürgen.  Pensamento Pós-metafísico.  Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1990.
KANT, Immanuel.  Crítica da razão pura.  São Paulo: Martin Claret, 2003.
KUHN, Thomas S.  A estrutura das revoluções científicas.  3. ed. São Paulo :  Perspectiva, 1992.
LÖWY, Michael.  As aventuras de Karl Marx contra o Barão de Münchhausen.  6ª ed. São Paulo: Cortez, 1998.
MATURANA, Humberto & VARELA, Francisco.  A árvore do conhecimento: as bases biológicas da compreensão humana. São Paulo: Palas Athena, 2001.
MORIN, Edgar. Introdução ao pensamento complexo.  Porto Alegre: Sulina, 2005.
OLIVEIRA, Manfredo Araújo.  Reviravolta lingüístico-pragmática na filosofia contemporânea.  São Paulo: Loyola, 1996.
ROCHA, Leonel Severo.  Epistemologia jurídica e democracia.  São Leopoldo: Unisinos,  1998.
RORTY, Richard. A filosofia e o espelho da natureza.  3ª ed.  Rio de Janeiro: Relume Dumará, 1994.
SANTOS, Boaventura de Souza (org).  A globalização e as ciências sociais.    São Paulo: Cortez,  2002.
VASCONCELOS, Maria José Esteves de.  Pensamento sistêmico –  o novo paradigma da ciência.  Campinas, SP: Papirus, 2003.
VIEHWEG, Theodor.  Tópica e jurisprudência.  Brasília : DIN, 1979.
WOLKMER, Antonio Carlos.  Introdução ao pensamento jurídico crítico.  São Paulo :  Acadêmica, 1991.
 

DIREITO AMBIENTAL

EMENTA:
Teoria geral do direito ambiental - O bem jurídico ambiental - O direito subjetivo ao meio ambiente como direito fundamental - Dano Ambiental e as responsabilidades inerentes - Proteção do meio ambiente e dos bens ambientais em legislação especifica. Instrumentos processuais de proteção do meio ambiente.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
ANTUNES, Paulo de Bessa. Direito ambiental. Rio de Janeiro: Renovar. 2008.
BENJAMIN, Antonio Hernan V. Dano ambiental, prevenção, reparação e repressão. São Paulo: RT, 2005.
FREITAS, Vladmir Passos. Crimes contra a natureza. São Paulo: RT, 2010.
GRÜN, Mauro. Ética e educação ambiental. São Paulo: Papirus, 1996.
MACHADO, Paulo Afonso Leme. Direito ambiental brasileiro, São Paulo: RT, 2002.
MALHEIROS, Direito urbanistico brasileiro, São Paulo: RT, 2007.
MILARÉ, Edis. Direito do ambiente, São Paulo: RT, 2005.
MUKAY, Toshio. Direito ambiental sistematizado, São Paulo: Saraiva. 2010.
PETERS, Edson ; PIRES, Lara  Paulo de l. de. Manual do direito ambiental. Curitiba: Juruá, 2000.
PRADO, Luiz Regis. Direito penal ambiental, São Paulo: RT, 2005.
SILVA, José Afonso da Silva. Direito constitucional ambiental, São Paulo: Saraiva, 2009.
ZUCCA, Aldo Jacomo. O direito da terra – rumo a um direito internacional efetivo. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2003.
 
TEORÍA CONSTITUCIONAL
EMENTA:
As constituições contemporâneas e a intervenção do estado na ordem econômica e social - constituições socialistas - o governo de assembléia e o regime constitucional - supremacia da constituição e controle da constitucionalidade das normas jurídicas - legalidade e legitimidade - estado, sociedade civil e instituições intermediárias - problemas de direito constitucional.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)

BARCELOS V.; ZAKRZEVSKIS B.(org). Sociedade e meio ambiente: a educação ambiental em debate. São Paulo: Cortez, 2002.
DIAS, G. Educação Ambiental, princípios e práticas. Brasília – DF. Editora EdUnB:1993
FARIA, D. S. Educação Ambiental e Desenvolvimento Científico-tecnológico. Brasília – DF. Editora EdUnB: 1995.
REIGOTA, M. O que é Educação ambiental. São Paulo: Brasiliense, 2001
____________ INEP (MEC). Desenvolvimento e Educação Ambiental. Brasília - DF - Brasil INEP: 1992

 
DIREITO ECONÔMICO
EMENTA:
Direito constitucional econômico – a administração econômica, as nacionalizações e as privatizações - os meios de regulação pública da economia e do mercado - a regulamentação do acesso e do exercício da atividade econômica - o direito da concorrência - o direito das relações econômicas internacionais.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
ARAGÃO, Alexandre dos Santos. As agências reguladoras em face do direito administrativo econômico. Rio de Janeiro: Forense, 2005.
BERTOLDI. Marcelo M; RIBEIRO, Márcia Carla Pereira. Curso avançado de direito Comercial. 4ª ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2008.
BULGARELLI, Waldirio. Sociedades comerciais; sociedades civis e sociedades cooperativas; empresas e estabelecimentos comerciais: estudo das sociedades comerciais e seus tipos, conceitos modernos de empresa e estabelecimento, subsídio para o estudo do direito empresarial. 9ª ed. São Paulo: Atlas, 2000. 400p.
DAVID, René. Os grandes sistemas de direito contemporâneo; São Paulo: Martins Fontes, 2008.
FIGUEIREDO, Leonardo Vizel. Lições de Direito Econômico. 4ª ed. Rio de Janeiro: Forense, 2011.
FONSECA, João Bosco Leopoldino da. Direito econômico. 6ª ed. Rio de Janeiro: Forense, 2010. 344p.
FORGIONI, Paula A. Os fundamentos do antitruste. 4ª ed. Belo Horizonte: Del Rey, 2010. 510p. 
GRAU, Eros Roberto. A ordem econômica na Constituição de 1988. São Paulo: Malheiros, 2002.
MARINS, Vinicius. ; OLIVEIRA, Amanda Flávio de (Coord.). Direito econômico: evolução e institutos. Rio De Janeiro: Forense, 2009. 473p.
MASSO, Fabiano Del. Direito econômico. Rio de Janeiro: Campus, 2007. 189p.
 
FUNDAMENTOS DO DIREITO ADMINISTRATIVO
EMENTA:
O direito administrativo e sua relação com os demais ramos do Direito - O ato administrativo - O contrato administrativo: as licitações, concorrência pública, tomada de preços, convite e outros. modificação, extinção e nulidade do contrato administrativo. Dos agentes administrativos. Agentes funcionários e não-funcionários. Direito e processo disciplinar.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
 
 

DIREITO INTERNACIONAL

EMENTA:

Direito Internacional Público: fontes, princípios e conceitos fundamentais - Sujeitos de Direito Internacional Público - Organizações Internacionais - Conflitos de normas de Direito Internacional Público - Responsabilidade Internacional - Jurisdição do Estado - Domínio público internacional - Solução de conflitos internacionais - Direito Internacional, Globalização e integração - Direito Internacional Privado: problemas e temas relevantes - bases históricas e constitucionais - Condição jurídica do estrangeiro. 

BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
BASSO, Maristela. Curso de Direito Internacional Privado. São Paulo: Atlas, 2009.
DEL’OLMO, Florisbal de Souza. Curso de Direito Internacional Privado. 8ª ed. Rio de Janeiro: Forense, 2010.
HART, Herbert L. A. O conceito de direito. Lisboa: Calouste Gulbenkian. 2ª ed., 1994.
MARTINS, Sérgio Pinto. Instituições de direito público e privado. 5ª ed. São Paulo: Atlas, 2005. 453p
MAXIMIANO, Carlos. Hermenêutica e aplicação do direito. 19ª ed. Rio de Janeiro: Forense, 2010. 342p.
MAZZUOLI, Valerio de Oliveira. Curso de direito internacional público. 5ª ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2011. 1104p.
PIOVESAN, Flávia. Direitos Humanos e o Direito Constitucional Internacional. 11ª ed. São Paulo: Saraiva, 2009.
RECHSTEINER, Beat Walter. Direito Internacional Privado: teoria e prática. 13ª ed. São Paulo: Saraiva, 2010
REZEK, José Francisco. Direito Internacional Público: curso elementar. 12ª ed. São Paulo: Saraiva, 2009.
 
ÉTICA E DIREITOS HUMANOS
EMENTA:
Direitos Humanos: evolução histórica - O saber ético e o direito - a fundamentação ética dos direitos humanos - a virada kantiana - justica e liberdade - os princípios constitucionais vinculados à idéia de liberdade - o estado democrático de direito e os direitos humanos - os direitos humanos nos textos internacionais.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
ALVES, J. A. L. Os direitos humanos como tema global. São Paulo: Perspectiva, 1994.
AMOÊDO, Sebastião. Ética do trabalho: na era pós-qualidade. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1997.
ANDREATTO, Elifas, ANDRADE, Eurico, MORAIS, Fernando et al. (organizadores). A miopia da lei. in Retrato do Brasil. São Paulo: Política, v 1. 1993.
ARAÚJO, Luiz Alberto Davi; NUNES JUNIOR, Vidigal Serrano. Curso de direito constitucional. 14ª ed. São Paulo: Saraiva, 2010.
BEAUVOIR, Simone de. Moral da ambigüidade, Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1990.
CHIAVENATO, Júlio José. A morte, uma abordagem sociocultural. São Paulo: Moderna, 1998.
FIÚZA, Ricardo Arnaldo Malheiro. Direito constitucional comparado. Belo Horizonte: Del Rey, 1985.
GALLO, Sílvio. Ética e Cidadania, Caminhos da Filosofia. São Paulo: Papirus, 1997.
GUSTIN, Miracy Barbosa de Souza. Das necessidades humanas aos direitos: ensaio de sociologia e filosofia do direito. Belo Horizonte: Del Rey, 1999.
LENZA, Pedro. Direito constitucional esquematizado. 13ª ed. São Paulo: Saraiva, 2009.
MARCÍLIO, MARIA LUIZA (Coord.);PUSSOLI, LAFAIETE (Coord. ). Cultura dos direitos humanos. São Paulo: LTR, 1998.
MORAES, Alexandre de. Direito constitucional. 23ª ed. São Paulo: Atlas, 2008.
PIOVESAN, Flávia. Direitos humanos e o direito constitucional internacional. 11ª ed. São Paulo: Saraiva, 2010.
RAJCHMMAN, John. Eros e verdade: Lacan, Foucault. e a questão da Ética. Rio de Janeiro: Jorge Zahar,1999.
TEMER, Michel. Elementos do direito constitucional. 16ª ed. São Paulo: Malheiros, 2000.
 
SOCIOLOGIA JURIDICA
EMENTA:

Contexto histórico da sociologia jurídica - Sociologia como ciência - A relação direito e sociedade - Sociologia do direito natural - A sociologia do direito em Marx, Durkheim e Weber.

BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
ARON, Raymond. As etapas do pensamento sociológico. 5ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 2000. 539p.
BERGER, Peter l. A construção social da realidade: tratado de sociologia do conhecimento. 21ª ed. 2002. 247p.
CASTRO, Celso Antônio Pinheiro de. Sociologia do direito: fundamentos de sociologia geral sociologia aplicada ao direito. 6ª ed. São Paulo: Atlas, 1999. 359p.
DEMO, Pedro. Sociologia: uma introdução crítica. 2ª ed. São Paulo: Atlas, 1985. 159p.
FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir:: nascimento da prisão. 34ª ed. Petrópolis: Vozes, 2007
LAKATOS, Eva Maria. Sociologia geral. 7ª ed. São Paulo: Atlas, 1999. 373p.
QUINTANEIRO, Tânia; BARBOSA, Maria Lígia de Oliveira; OLIVEIRA, Márcia Gardênia. Um toque de clássicos. 2.ed. Belo Horizonte: UFMG, 2002. 159p.
ROSA, Maria Inês. Trabalho, subjetividade e poder. São Paulo: Edusp, 1994. 228p
WEBER, Max. Ciência e política: duas vocações. 11ª ed. São Paulo: Segmento, 2002. 124p
 

DIREITO INDIVIDUAIS E COLETIVOS

EMENTA:
Liberdades publicas - as declaracoes de direitos - Direitos publicos subjetivos - Os direitos da personalidade -A dicotomia autoridade / liberdade - As garantias individuais. Instituições para tutela de direitos públicos subjetivos - A proteção jurisdicional dos interesses difusos: os principios da legalidade e da igualdade jurídica - A laicidade do estado contemporâneo.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
 
 

ESTADO E DEMOCRACIA NA AMÉRICA LATINA

EMENTA:

O capitalismo globalizado – A internacionalização da democracia política – A reforma do estado e os processos de consolidação democrática na américa latina -  A Sociedade civil e sua organização - Democracia representativa - Democracia participativa
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
AVRITZER, Leonardo (Coord.) A sociedade civil e democratização. Belo Horizonte: Del Rey, 1994.
CALVEZ, Jean-Yves. Política: uma introdução. Trad. Sonia Goldfeder, São Paulo: Ática, 1995.
CARNOY, Martín. Estado e Teoria Política. 2ª ed. Trad. (Equipe de tradução PUC-CAMP), São Paulo: Papirus, 1988.
DREIFUSS, René. Política, Poder, Estado e Força: uma leitura de Weber. 2ª ed. Rio de Janeiro - Petrópolis: Vozes, 1993.
MANENT, Pierre. História intelectual do liberalismo: dez lições. Trad. Vera Ribeiro. Rio de janeiro: Imago (col. Tempo e Saber), 1990.
NOGUEIRA, Marco Aurélio. Um Estado para a sociedade civil: temas éticos e políticos da gestão democrática. São Paulo: Cortez, 2004.
WEFFORT, Francisco. Os clássicos da política. São Paulo: Ática, 1989.
 

SEMINÁRIO DE PESQUISA I

EMENTA:

Atividade acadêmica entre cada aluno e seu respectivo tutor com vistas a elaboração da dissertação ou tese.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2008.
HERNÁDEZ, Sampieri ; R. FERNÁNDEZ, Collado; BAPTISTA, Carlos Lucio Pilar. Metodología de la Investigación. México, DF: McGraw-Hill. Interamericana Editores, 2003.
___________________. Metodologia de pesquisa. México: McGraw-Hill, 2006.
MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Metodologia do trabalho científico: procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório, publicações e trabalhos científicos. São Paulo: Atlas, 2001.
SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Cortez, 2007.

 

SEMINÁRIO DE PESQUISA II

EMENTA:

Atividade acadêmica entre cada aluno e seu respectivo tutor com vistas a elaboração da dissertação ou tese.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA (outras fontes podem ser recomendadas)
GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2008.
HERNÁDEZ, Sampieri ; R. FERNÁNDEZ, Collado; BAPTISTA, Carlos Lucio Pilar. Metodología de la Investigación. México, DF: McGraw-Hill. Interamericana Editores, 2003.
___________________. Metodologia de pesquisa. México: McGraw-Hill, 2006.
MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Metodologia do trabalho científico: procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório, publicações e trabalhos científicos. São Paulo: Atlas, 2001.
SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Cortez, 2007.

 





  O nível de conhecimento dos professores e o planejamento foram peças-chave. Quanto ao gerenciamento também satisfez o nosso alto nível de ansiedade. Quanto às instalações da Universidade Americana, gostaria que a minha universidade fosse assim.  

Professora Taís Bulcão
Colégio Pedro II - RJ




Faça sua Inscrição




INSTITUTO IDEIA: REFERÊNCA EM MESTRADOS E DOUTORADOS NO MERCOSUL
Sede Internacional: Rua Senador Furtado, 18 • Maracanã • Rio de Janeiro • RJ • Brasil • CEP 20.270-020
Tel/Fax: +55 (21) 2567-9274 • 2565-8031 • 2567-7441 • 2568-3526 • 2018-4102 • 2018-4103
De segunda à sexta, das 9h às 18h • E-mail: contato@ideiaeduc.com.br • Cels: Oi: +55 (21) 98596-4934 • CLARO: (21) 96855-6339 • TIM: (21) 98234-4019 • VIVO: (21) 99870-6189
Sede Assunção: Calle 25 de Mayo, 542 • 1º piso • Em frente a Plaza Uruguaya (2ª f. e 3ª f. das 9h às 17h e 4ª feira das 9h às 12h) • Tel: 440-346


© 2016-2020 Instituto IDEIA. Todos os direitos reservados. FW2